Ginástica Laboral em escritórios: Acredite, sua empresa deveria implantar

17 de abril de 2019

Por vezes, nos vemos atrelados a uma rotina estressante e prolongada de nossas atividades laborais, sendo necessário além de pausas movimentar membros para reativar a circulação e a musculatura que fica estática por vezes por um período prolongado.

Esse é o caso de quem trabalha em escritórios com computadores. Além da postura estática em frente à mesa, a execução de movimentos repetitivos de digitação ou escrita geram desconforto, dores e estresse.

Desta forma, uma importante ferramenta que pode ser utilizada nos ambientes de trabalho é a ginástica laboral.

Esse tipo de atividade possui o objetivo principal de prevenir possíveis lesões decorrentes da atividade do trabalhador além de promover momentos de relaxamento, diminuição da fadiga muscular como também melhora na produtividade, contribuindo nos aspectos ergonômicos da jornada de trabalho.

Leia também nossa postagem sobre mais benefícios da ginástica laboral:
https://betaeducacao.com.br/os-9-beneficios-da-ginastica-laboral-no-ambiente-de-trabalho/

A seguir, será apresentada uma série de exercícios para os mais variados membros a caráter de alongamento e relaxamento que podem ser implantados e executados em sua empresa, no próprio posto de trabalho.

Exercícios para realizar no escritório:

Ativação de punhos e antebraços:

Apoiar totalmente as costas na cadeira e com os punhos cerrados realizar o seguinte movimento: 10 rotações para cada lado, iniciando os movimentos para fora e posteriormente para dentro.

Abrir e fechar as mãos em movimento acelerado por 20 vezes.

Ativando movimentos dos membros inferiores:

Estender as pernas para frente por 10 vezes

Flexão e Extensão dos Pés: Movimentar os pés para cima e para baixo por 10 vezes consecutivas.

Alongando membros superiores:

Segurar a posição queixo para cima e mãos encontradas por cerca de 15 segundos.

Olhar para baixo e segurar a cabeça com as mãos ( sem pressionar) por cerca de 15 segundos.

Olhar para a direita, inclinar a cabeça para baixo, apoiar novamente as mãos na nuca e manter esta posição por cerca de 15 segundos. Repetir o movimento para o lado esquerdo.

Apoiar as mãos nas pernas, mantendo os braços juntos ao corpo e fazer a elevação dos ombros, sincronizando com a sua respiração: quando inspirar eleve os ombros e ao expirar, solte os ombros. Fazer este movimento 10 vezes.

Elevar um braço, atravessar ele em frente de seu peito, colocar o polegar para baixo e ajudar no alongamento com a outra mão, segurando por cerca de 15 segundos esta posição. Repita para o outro braço.

Manter o braço estendido e flexionar a palma da mão para baixo, mantendo-a segura por cerca de 20 segundos. Repetir o mesmo movimento com a palma da mão para cima e em ambos os braços.

Práticas de alongamentos podem contribuir para a produtividade e saúde dos colaboradores

Classificação da Ginástica Laboral:

A ginástica pode ser efetuada no momento do início da jornada de trabalho sendo denominada preparatória, com o objetivo de prepara a musculatura para as atividades que serão desempenhadas. Ela pode ser compensatória quando realizada durante intervalos na jornada de trabalho objetivando-se o relaxamento, diminuição do estresse e descanso durante o trabalho.

Ela pode ser compensatória quando realizada durante intervalos na jornada de trabalho objetivando-se o relaxamento, diminuição do estresse e descanso durante o trabalho.

Orienta-se que sejam destinados de 15 a 20 minutos para a execução dos exercícios.

Lembrando que:

O profissional responsável por implantar exercícios laborais complexos ou que trabalhem com grupos musculares específicos com planejamento e orientação deve ser o educador físico ou um fisioterapeuta, cabendo aos Técnicos de Segurança e demais profissionais da área de saúde e segurança na empresa a orientação quanto ao tipo de risco encontrado e qual a atividade cada colaborador desempenha.

Com posições simples de alongamento a vida de seus funcionários pode mudar no ambiente de trabalho. A prática da ginástica laboral traz para a empresa e os funcionários satisfação, melhora na produtividade e ainda evita doenças do trabalho.

Quer saber um pouco mais sobre o assunto? Leia o nosso artigo sobre a diferença entre doença ocupacional e doença do trabalho e saiba mais sobre a importância de incentivar a prática de ginástica laboral.

Você também irá gostar

  • Especial: A ergonomia muito além de seu conceito

    Especial: A ergonomia muito além de seu conceito

    A ergonomia pode ser definida de acordo com o dicionário Aurélio como a “ciência que visa à organização metódica do trabalho em função do fim proposto e das relações entre homem e a máquina” (Aurélio, p. 298, 2010). Desta forma, pensando na maior produtividade do trabalhador e em seu bem-estar, uma das atribuições do Técnico […]

  • O que é preciso saber sobre Legislação Trabalhista e Previdenciária em SST?

    O que é preciso saber sobre Legislação Trabalhista e Previdenciária em SST?

    Olá, no post de hoje iremos abordar um tema muito importante para todos os envolvidos na área de SST: A legislação trabalhista e previdenciária. A intenção deste post é apresentar de maneira simplificada os conceitos do acidente de trabalho nos termos legal e prevencionista e como ficará o envio dos dados do acidente com o […]

  • Por que o mês de Maio é Amarelo?

    Por que o mês de Maio é Amarelo?

    Maio Amarelo é um movimento internacional de conscientização para a redução dos acidentes de trânsito e que surgiu com uma só proposta: chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo.  A ideia é mobilizar os mais diversos segmentos: órgãos de governos, empresas, entidades de classe, associações, federações […]