Trabalhadores Rurais: saiba a importância do uso de EPIs

Os Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) são ferramentas indispensáveis para os trabalhadores de diferentes indústrias, incluindo os trabalhadores rurais. O setor agrícola, assim como o industrial, pode acarretar uma série de riscos aos trabalhadores, como a exposição a elementos tóxicos, fumaças e partículas suspensas de defensivos e outros produtos.

É importante levar em consideração que o trabalhador rural está exposto diariamente aos agrotóxicos. Seja em grandes plantações, ou em médias e pequenas estâncias cultivadoras de alimentos, esses elementos são cada vez mais utilizados no dia a dia das atividades rurais.

Por que usar EPIs na agricultura?

trabalhadores rurais

Para se ter uma ideia, em 2020 o Brasil aprovou o registro de 493 novos agrotóxicos – o maior número já documentado pelo Ministério da Agricultura que compila estes dados desde 2000. Ainda é cedo para saber qual será o resultado desse fenômeno, porém, de 2007 a 2017, data do último levantamento oficial, foram notificados mais de 40 mil casos de intoxicação aguda por conta de agrotóxicos, que ocasionou na morte de 1.900 pessoas.

A intoxicação por elementos químicos tóxicos pode acontecer de diferentes maneiras:

  • por via oral ou nasal – quando o agrotóxico entra em contato com a boca do operador, ou quando ele faz a aspiração por vias respiratórias;
  • por via ocular – quando entra em contato com os olhos do operador;
  • por via dérmica – quando faz contato com a pele do operador.

Por conta desses riscos, os Equipamentos de Proteção Individual são recomendados não apenas para os profissionais que trabalham no plantio, colheita e pulverização das plantações, mas também aqueles que atuam indiretamente e estão presentes neste contexto de trabalho, como os colaboradores de armazenamento e transporte desses fitossanitários.

>> Veja também a importância da NR-12 pra os profissionais de Engenharia Florestal no nosso artigo <<

Existem também outros riscos que o trabalhador rural pode sofrer durante a sua jornada de trabalho, como o ataque de animais peçonhentos e de agentes parasitários, a exposição à radiação solar durante longos períodos, a exposição a ruídos e vibrações de tratores e outras máquinas do campo, e o condicionamento a partículas de grãos armazenados, pólen, ácaros, fungos e bactérias.

Quais são os EPIs voltados aos trabalhadores rurais?

Como você pode notar, são muitos os riscos que o trabalho no campo pode ocasionar. Por isso, os Equipamentos de Proteção Individual são tão indispensáveis. Antes de escolher quais são os melhores para os seus operadores, é essencial criar um Plano de Riscos para saber quais desses riscos são os mais proeminentes no seu local de trabalho.

Abaixo, destacamos alguns dos principais equipamentos utilizados em trabalhos agrícolas pelos operadores:

Touca árabe

Manuseada desde muito tempo na região do Oriente Médio por conta do clima desértico e do sol forte, tem a função de proteger a cabeça e o pescoço do trabalhador. Apesar de ser fabricada com algodão antigamente, hoje em dia o EPI é feito de poliéster, um material que oferece maior proteção ao profissional.

Viseira facial

Esse equipamento protege os olhos e o rosto contra respingos durante o manuseio e aplicação de inseticidas, adubo e outros elementos porosos. Em alguns casos, pode se substituir a viseira pelos óculos, mas com a mentalidade de que os óculos protegem apenas os olhos do aplicador.

Respirador

Os respiradores são capazes de filtrar partículas que podem acometer os trabalhadores por meio da inalação. Além disso, caso seja um ambiente com muita poeira, esses respiradores também filtram as partículas maiores para que não cheguem ao aparato nasal do operador do campo.

Luvas

Talvez sejam os equipamentos mais importantes para os profissionais do campo, pois protegem uma das partes do corpo com mais exposição durante o trabalho com agricultura: as mãos. Recomenda-se que sejam de borracha ou neoprene, materiais que podem ser utilizados com qualquer tipo de formulação.

Jalecos e calças

São apropriados para proteger o corpo dos respingos e dos produtos formulados. Além disso, devido à constante exposição solar por parte desses trabalhadores, essas vestimentas são importantes para os proteger do sol e, assim, garantir que não sofram riscos de doenças na pele.

Botas

As botas precisam ser apropriadas para o trabalho em agricultura, sendo de cano longo e com material resistente aos solventes orgânicos, como por exemplo o PVC.

Algumas recomendações sobre o uso dos EPIs na agricultura

Agora que você já pôde conhecer alguns dos principais equipamentos utilizados por trabalhadores rurais, é hora de ficar por dentro das recomendações com relação aos EPIs.

  • Em primeiro lugar, é recomendado vestir a calça, após o jaleco, depois as botas, a máscara, a viseira facial, o boné e, por último, as luvas – especialmente se elas já tenham sido usadas;
  • Quando for tirar os EPIs, é preciso primeiro lavar as mãos com as luvas, depois as botas, o boné, as luvas, a viseira facial, a máscara e, por fim, tomar banho com bastante água e sabão;
  • O operador que for fazer a lavagem do EPI deve estar devidamente protegido, com luvas de nitrila ou neoprene;
  • O EPI tem que ser lavado com sabão neutro, em pó ou em barra. Não se pode usar cloro, alvejante e nem amaciante, pois esses itens podem retirar a hidro repelência;
  • Após a lavagem, o EPI deve ser enxaguado abundantemente com água corrente para remover todos os resíduos da pulverização;
  • viseiras faciais também são lavadas com água e sabão neutro. É recomendado usar um pano macio para não riscar e siga as instruções do manual.

É importante citar que não basta apenas oferecer aos colaboradores rurais os Equipamentos, é necessário instruir e exigir seu uso, treinar, fiscalizar e substituir os EPIs danificados e vencidos, conforme consta na NR-31.

A Beta Educação se preocupa com a Saúde e Segurança dos trabalhadores rurais, e acredita que os empregadores devem investir em capacitação quanto ao uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.