Brigada de incêndio: o que é, qual sua importância e como adotá-la na sua empresa?

Todas as empresas e organizações estão expostas a algum risco de exposição a incêndios. Algumas, em específico, como aquelas com cozinhas e postos de combustível, geralmente estão mais expostas que as demais, e, por conta disso, precisam estar atentas às noções de combate ao fogo.

Sempre que se fala em saúde e segurança do trabalho, é importante apontar que as comissões internas, formadas por colaboradores aptos para lidar com possíveis riscos e acidentes, são essenciais dentro dos ambientes de trabalho. Uma delas, é a Comissão Interna de Prevenção de Acidentes, a CIPA, que fiscaliza e previne acidentes ou doenças que possam ser causadas pelo trabalho.

>> Entenda melhor qual a importância da CIPA para uma empresa <<

Quando o assunto é risco com incêndios, as empresas também podem formar uma comissão de funcionários especialistas para prevenir e evitar riscos, a Brigada de Incêndio.

Mas Brigada de Incêndio não existe apenas no Corpo de Bombeiros?

Embora esse seja de senso comum que apenas o Corpo de Bombeiros é responsável pelos riscos relacionados a incêndios nas construções, isso é um mito que precisa ser desconstruído.

Aliás, uma das exigências durante as vistorias do Corpo de Bombeiros é que o local tenha um certificado que comprove que naquele estabelecimento existe um grupo competente de brigadistas, que frequentaram cursos e treinamentos sobre o tema.

Ter colaboradores preparados para situações de emergência com fogo dentro da sua organização pode evitar acidentes desastrosos e fatais.

Então, o que é uma Brigada de Incêndio para as empresas?

Dentro das empresas, as brigadas de incêndio são compostas por um grupo de pessoas, voluntárias ou não, que tenham uma qualificação que as mantenha organizadas e preparadas para atividades de risco com fogo nos ambientes de trabalho. Dentre os papéis que os colaboradores responsáveis pela Brigada de Incêndio de uma empresa, estão:

  • Prevenção e combate de incêndios;
  • Evacuação de ambientes de risco;
  • Checagem de extintores e saídas de emergência;
  • Atendimentos de emergência e primeiros socorros.

Nesse sentido, a presença desses funcionários, especialmente em espaços onde há a circulação de um número grande de pessoas, é mais do que essencial: é imprescindível. Outra função muito importante da Brigada de Incêndio é poder treinar terceiros, especialmente os demais funcionários como proceder em casos de evacuação.

Quem pode dar o treinamento para Brigadas de Incêndio nas empresas?

Como foi dito anteriormente, não é papel do Corpo de Bombeiros oferecer esse treinamento para os funcionários das empresas. Em geral, esse tipo de capacitação é terceirizado pelas empresas quando há necessidade por um risco iminente. De modo geral, apenas técnicos formados em segurança do trabalho ou pessoas com formação na área podem dar treinamento aos funcionários.

>> Conheça o curso online de Noções de Combate ao Incêndio da Beta Educação <<

Como funciona e quais membros a Brigada de Incêndio precisa ter?

Fora o pré-requisito de que os membros da Brigada de Incêndio precisam ter algum tipo de formação na área, a legislação para a atividade não é igual a nível nacional, uma vez que cada estado possui suas próprias especificidades. Nos casos em que os brigadistas sejam voluntários, eles precisam ser funcionários do local para garantir que estejam presentes na maior parte do tempo.

Quando é formada uma equipe, alguns padrões de segurança necessitam ser seguidos, em especial no que diz respeito à hierarquia. Existem 4 tipos de funções dentro de um Brigada de Incêndio:

  • Coordenador geral: essa é a autoridade máxima de uma Brigada de Incêndio, que coordena toda a equipe;
  • Chefe: quando a planta possui duas ou mais edificações, o chefe é responsável por manter a segurança de um desses espaços, sendo o segundo na posição hierárquica;
  • Líder do setor: é quem coordena a equipe apenas em um setor específico, como em apenas um pavimento;
  • Brigadistas: esses são os profissionais capacitados que podem atuar apenas após um treinamento de 12h, sendo 4 delas destinadas a atividades práticas.

Afinal, qual é a importância de uma Brigada de Incêndio nas empresas?

Agora que já falamos sobre como funciona uma Brigada de Incêndio, vamos citar qual a importância de manter uma Brigada de Incêndio nas empresas. Além dos tópicos citados anteriormente, os trabalhadores que fazem parte dessa comissão tem uma importância sacral em uma organização para:

– Promover o treinamento esporádico de toda a equipe de trabalho para evacuações de emergência;

– Atuar em conjunto com a CIPA na fiscalização interna das instalações e equipamentos de segurança;

– Atuar em conjunto com a CIPA na fiscalização de situações que possam elevar o risco de incêndios, como por exemplo as instalações elétricas irregulares.

Isso é muito importante, especialmente se sua equipe possui preparo suficiente para atendimentos emergenciais, já que um simples pré-atendimento pode ser a diferença entre a vida e a morte.

Como a Beta Educação pode te ajudar a prevenir riscos de incêndios na sua empresa?

Nós, da Beta Educação, prezamos em levar saúde e segurança para dentro das empresas com treinamentos online que capacitam os colaboradores e os tornam aptos para enfrentar situações de risco, inclusive com fogo. Um dos nossos principais cursos é o de Noções de Combate ao incêndio, que tem como objetivo mostrar como prevenir, combater focos de incêndio e também prestar primeiros socorros de forma adequada.

A Beta Educação se preocupa com a saúde e segurança do trabalho para as empresas. Venha conhecer os nossos cursos de treinamento online para os seus colaboradores.

Deixe seu comentário