Atividades mais perigosas para se trabalhar! Confira quais são!

Ter uma profissão e trabalhar diariamente pode parecer simples para as pessoas. Quando crianças, sonhamos com os cargos que ocuparemos no futuro, numa expectativa eterna de escolher a ocupação que mais condiz com os nossos objetivos.

Nem sempre é fácil tomar a decisão. Antes, é preciso descobrir o que se gosta de fazer para que se faça uma análise dos benefícios e desvantagens da opção desejada.
Se existem profissões que estabelecem uma rotina periódica e diária de reuniões e apresentações em planilhas ou computadores, existem aquelas que necessitam atenção e preparação devido ao risco na tarefa que será exercida.

Abaixo, selecionamos as dez atividades mais perigosas para se trabalhar:

1. Técnico de limpeza de janelas:

Pendurados por cabos, os responsáveis pela limpeza de janelas em prédios ficam suspensos no ar e vários metros de distância do chão. Se já chamam a atenção por atuarem em edifícios de sete ou oito andares, imagine os profissionais que trabalham em alturas dos arranha-céus de Nova Iorque ou Dubai? Em alguns casos, esses trabalhadores não utilizam qualquer tipo de equipamento de proteção na limpeza das janelas.

Trabalhadores limpando janelas em altura

2. Eletricista de alta tensão:

Você já se imaginou trabalhando com fios e postes de eletricidade com alta tensão? Além das imensas escadas em que ficam apoiados, muitos desses profissionais utilizam helicópteros para a execução do serviço. Qualquer erro ou deslize acarreta uma fatalidade.

Torres de alta tensão


3. Dublê: 

O dublê é uma profissão perigosa por natureza, uma vez que o trabalhador entra em cena somente quando há necessidade de imagens de risco como quedas de grandes alturas, acidentes ou incêndios.

Duble de filmes de ação


4. Cuidador e domador de animais:

Transformar animais naturalmente selvagens em dóceis ou com uma possível convivência entre as pessoas não é tarefa fácil. Cuidar e domar animais que possuem força capaz de matar com um simples golpe reafirma a posição de perigo para o profissional que atua com esse tipo de trabalho.

Domando um animal selvagem


5. Bombeiro: 

Apesar de ser uma profissão louvável pelo fato de salvar vidas em perigo, o bombeiro sempre se arrisca para efetivar aquilo que se dispôs a fazer. Ele está em constante perigo, uma vez que se expõe a situações de emergência como deslizamentos de terra, incêndios, desabamentos e enchentes.

Bombeiro combatendo um incêndio


6. Policial: 

Assim como o bombeiro, ser policial também exige muito treinamento e coragem. Outra profissão louvável por prestar um serviço de grande valia para a sociedade, o trabalhador vive em constante cenário de risco por lidar com ocorrências de violência diárias.

Policiais em ação


7. Mineiro:

A mineração é uma atividade de grande periculosidade, pois além dos riscos existentes com o deslocamento ou explosão das minas, o profissional fica exposto a problemas pulmonares pelo contato com os fragmentos de minério nas cavernas.

Minerador em trabalho


8. Astronauta:

Ir para o espaço parece ser uma tarefa fácil e de grande status. Apesar do glamour em conquistar terras nunca antes habitadas, ser astronauta requer muita preparação física e psicológica, pois as chances de as coisas darem erradas é grande. A taxa de mortalidade no espaço é de mais de 7%, índice maior do que muitas profissões espalhadas pelo mundo.

Astronauta trabalhando

9. Pedreiro:

Poucas pessoas pensam nos riscos existentes na construção civil. Todavia, os pedreiros, quando na obra de edifícios, trabalham com grandes alturas e plataformas vulneráveis. Apesar da utilização de equipamentos de proteção, existem ameaças do próprio local que colocam a vida do profissional em risco constante.

Pedreiro trabalhando


10. Lenhador: 

Muito além do risco ao utilizar equipamentos extremamente afiados, os lenhadores convivem com o perigo de serem atingidos por deslizamentos em montanhas ou a queda de grandes árvores.

Lenhador

Pensando nisso, a Beta Educação desenvolveu uma plataforma especialmente para empresas que desejam capacitar os seus funcionários nos treinamentos obrigatórios em segurança do trabalho, de forma simples e centralizada. Quer conhecer a plataforma? Solicite uma demonstração: http://betaeducacao.com.br/empresas/.

Deixe seu comentário