Ações de segurança para operação de empilhadeiras NR-11

13 de janeiro de 2017

Reunimos algumas dicas de ações de segurança na operação de empilhadeiras. A NR-11 é obrigatória para operadores de empilhadeiras pois ela define também normas de segurança para operação de elevadores, guindastes, transportadores industriais e máquinas transportadoras.

A empilhadeira é um equipamento de trabalho que tem suas limitações no desenvolvimento das tarefas, devem ser respeitadas afim de evitar qualquer tipo de problema, como: desgastes precoces, manutenção diárias, riscos de acidentes, acidentes, lesões corporais, processos civis  e trabalhistas.

O operador de empilhadeira se expõe constantemente a condições adversas da superfície, áreas apertadas e pressões de tempo. Dessa forma você deve saber algumas ações de segurança para colocar em prática quando for realizar o trabalho.

14 Dicas de segurança para operação de empilhadeiras

  • Transporte apenas a quantidade que ofereça segurança;
  • Tome cuidado com a altura excessiva da carga;
  • Não transporte cargas elevadas ou cargas nas pontas dos garfos;
  • Não ande com os garfos erguidos;
  • Em uma rampa sempre dirija em linha reta para cima ou para baixo;
  • Quando estiver carregado, sempre dirija com a carga apontada para cima;
  • Reduza a velocidade ao se aproximar de uma rampa;
  • Da mesma for levante os garfos para não encostar no chão;
  • Evite fazer manobras em uma rampa;
  • Evite obstáculos ao longo do caminho(pedras, lombadas, buracos);
  • Mantenha sempre a carga estável em uma velocidade constante;
  • Cheque sempre o estado das  superfícies, pois podem estar molhadas ou oleosas e dessa forma contribuir para acidentes;
  • Use o cinto de segurança;
  • Em condições de chuva, mantenha uma velocidade a qual você consiga ter total controle da empilhadeira;

operação de empilhadeiras

Antes de toda jornada diária de operações com a empilhadeira deverá ser feito um check list da própria, este feito garantirá que a máquina está em perfeitas condições de uso.

A NR-11 já cita no item 11.1.3 – “Os equipamentos utilizados na movimentação de materiais, tais como ascensores, elevadores de carga, guindastes, monta-carga, pontes-rolantes, talhas, empilhadeiras, guinchos, esteiras-rolantes, transportadores de diferentes tipos, serão calculados e construídos de maneira que ofereçam as necessárias garantias de resistência e segurança e conservados em perfeitas condições de trabalho.”

Quando terminar os trabalhos estacione em lugar pré determinado com os garfos baixo encostando-se ao chão e freio de mão puxado. Nunca estacione em frente portas, escadas, saídas de emergência e áreas de segurança.

A capacitação da NR-11 é obrigatória para este tipo de trabalho e cabe ao empregador oferecer este tipo de treinamento, além disso existem outros cuidados  que devem ser tomados com relação a operação de empilhadeiras, como a supervisão constante do trabalhador inicialmente, a fim de identificar os riscos e alerta-lo sobre os perigos de acidentes.

Lembre-se: o operador é responsável pela carga na operação.

Pensando nisso, a Beta Educação desenvolveu o curso online da NR-11 Operador de Empilhadeiras! Com ele o profissional é certificado conforme os parâmetros exigidos pelo Ministério do Trabalho e Emprego. Garanta a sua segurança e da sua empresa, cadastre-se no curso em: https://goo.gl/LSO0l3

Gostou do post? Deixe seu comentário!

NR-11

Você também irá gostar

  • Especial: A ergonomia muito além de seu conceito

    Especial: A ergonomia muito além de seu conceito

    A ergonomia pode ser definida de acordo com o dicionário Aurélio como a “ciência que visa à organização metódica do trabalho em função do fim proposto e das relações entre homem e a máquina” (Aurélio, p. 298, 2010). Desta forma, pensando na maior produtividade do trabalhador e em seu bem-estar, uma das atribuições do Técnico […]

  • O que é preciso saber sobre Legislação Trabalhista e Previdenciária em SST?

    O que é preciso saber sobre Legislação Trabalhista e Previdenciária em SST?

    Olá, no post de hoje iremos abordar um tema muito importante para todos os envolvidos na área de SST: A legislação trabalhista e previdenciária. A intenção deste post é apresentar de maneira simplificada os conceitos do acidente de trabalho nos termos legal e prevencionista e como ficará o envio dos dados do acidente com o […]

  • Por que o mês de Maio é Amarelo?

    Por que o mês de Maio é Amarelo?

    Maio Amarelo é um movimento internacional de conscientização para a redução dos acidentes de trânsito e que surgiu com uma só proposta: chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo.  A ideia é mobilizar os mais diversos segmentos: órgãos de governos, empresas, entidades de classe, associações, federações […]